Episódio #06

Este episódio dá início à série Especial do Orgulho LGBTQIA+. Nele tivemos a participação especial de Lay Maia, Juno Vicky Sullivan e Ernesto Nunes, onde discutimos sobre o transviver de cada ume e passamos pela importância da visibilidade trans e da existência de aliades na luta por direitos e (r)existência de corpos trans.

No Bi-Fi de hoje as dicas foram as seguintes:

Zé começou indicando “As razões de Cris”, livro de Maria Freitas. O livro narra a vida de Cris, começando o resgate de sua infância, onde se retrata todo processo que ela passou parar proteger seu coração de racismo e gordofobia. Na terceira série, conhece Pedro, um garoto que parece muito com ela e juntos, eles sentem que podem conquistar o mundo. Mas não entenda errado, esse livro fala de vingança! Na sequência, ele também indicou o documentário “Laerte-se” da Netflix. O documentário relata como foi o processo de entendimento e identificação de Laerte como uma mulher trans aos quase 60 anos. Laerte é uma das artistas mais reconhecidas do Brasil, teve três filhos e passou por três casamentos.

Ernesto indicou três livros infantis. O primeiro foi “O menino perfeito” de Bernat Cormand, que nos conhecer Daniel, ao longo de um dia, por meio de desenhos extremamente delicados e um texto que seria simples não fosse o peso que as imagens lhe encerram. Daniel, o menino perfeito: aluno aplicado, filho dedicado, que obedece aos desejos e expectativas de todos. Mas, o menino impecável, no entanto, carrega no rosto sempre a mesma expressão, que pouco nos diz e traz uma sensação de tristeza. Até que em uma determinada página, nos olha e sorri. Daniel sorri porque guarda um segredo: à noite, quando todos dormem, algo acontece.

O segundo livro foi “O monstro rosa” de Olga de Dios, que é uma história sobre como as diferenças podem unir as pessoas, mas um verdadeiro grito de liberdade. Seu protagonista é um estranho no ninho: um ser que, antes mesmo de vir ao mundo, já era diferente dos outros. Cansado de se sentir deslocado, Monstro Rosa decide partir em busca de um lugar onde ele seja aceito do jeito que é. Nesse trajeto, ele faz amigos e descobertas que conduzem o leitor a uma reflexão sobre o que é ser feliz.

A última indicação foi “Pode pegar” de Janaína Tokitaka, este é um livro que diz “está tudo bem, pode ser como você quiser”. É uma mensagem deliberadamente acolhedora e libertadora. Os três livros infantis indicados flertam muito com a temática LGBTQIA+ e são necessários para conhecer e perceber que a temática existe para todes.

Lay indicou o próprio trabalho como ume leonine que é, então sigam Lay Maia e os Astecas no Youtube e @maiaseastecas no Instagram. A segunda indicação foi o livro “Eu travesti” que é a biografia da ativista Luísa Marilac por Nana Queiroz.

Sullivan reforçou a indicação que “Atypical” que foi dada durante o episódio. Em seguida, indicou duas autobiografias: “Ser mulher não é pra qualquer um” de Nani People e o livro “Meu nome é Amanda” de Mandy Candy. Por fim, deu a indicação do livro “Estudo sobre gênero: identidade, discurso e educação” que é uma homenagem à João W. Nery.

Por fim, Cammys indicou duas séries. A primeira foi “The Fosters”, uma série que narra a história de uma família formada por duas mães. Stef, uma policial que foi casada com seu colega de trabalho Mike e com quem teve um filho, Brandon. Agora divorciada, ela vive com Lena, uma vice-diretora de uma escola. Pra encerrar, ela indicou o spin-off da série anterior que se chama “Good Trouble”. A série acompanha a história das personagens Callie e Mariana, que se mudam para Los Angeles para começar uma nova fase de suas vidas, na qual lidam com a independência na vida adulta.

Sigam nossus convidades nas redes sociais: Lay Maia: @maiaseastecas no Instagram

Ernesto Brandão: @ernesto_neonunes no Instagram

Junto Vicky Sullivan: @flordudiabo no Instagram

Não esqueçam de seguir o Bisão Voador nas redes sociais: @bisaopodcast no instagram e no twitter.

Entrem em contato conosco para deixar alguma dúvida, um xero ou uma sugestão no e-mail: bisaopodcast@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s