Episódio #10

Este é o terceiro episódio da série Especial do Orgulho LGBTQIA+. Nele tivemos a participação especial de Caco (do podcast Poc de Cultura) e Victor, onde discutimos sobre ocupar e viver o cotidiano da letra G de “gay”. Falamos sobre a descoberta de cada um, passamos pela importância da visibilidade e da desconstrução elitista e eurocêntrica da sigla G, assim como a necessidade da luta contra o racismo, machismo e misoginia na comunidade. Também foi entregue um importante recado para quem deseja ser aliado na luta por direitos LGBTQIA+.

No Bi-Fi de hoje as dicas foram as seguintes:

Caco indicou conhecer o trabalho musical da drag queen Enme e do cantor Getúlio Abelha nas plataformas de stream e no Youtube.

Zé deu a dica do filme “Moonlight”. O filme conta a trilha de Black, que segue numa jornada de autoconhecimento enquanto tenta escapar do caminho fácil da criminalidade e do mundo das drogas de Miami. Encontrando amor em locais surpreendentes, ele sonha com um futuro maravilhoso.

Victor indicou o filme “Café com canela” que conta a história de Margarida, uma mulher que vive isolada da sociedade após perder o filho. Ela se separa do marido Paulo e perde o contato com os amigos e pessoas próximas, até Violeta bater na sua porta. Trata-se de uma ex-aluna de Margarida, que assume a missão de devolver um pouco de luz àquela pessoa que havia sido importante para ela na juventude. Ele também indicou o livro “Quinze dias” de Vitor Martins que já é um dos queridinhos do nosso podcast, então leiam urgente!

Cammys indicou o conto “Escrito em algum lugar” também de Vitor Martins. O conto trata do retorno de uma boyband e de um jovem de 26 anos, Antônio, que não sente vergonha nenhuma em virar a madrugada na rua para conseguir comprar um ingresso para o show de retorno da sua boyband favorita. A noite está fria, os fãs são barulhentos e a calçada está longe de ser confortável, mas quando o acaso coloca Gustavo ao seu lado, passar quinze horas em uma fila não parece mais uma ideia tão ruim assim.

Por fim, Becky indicou uma série “Kingdom”. Original Netflix, a série sul-coreana conta a história de um príncipe herdeiro da dinastia Joeon que é enviado numa missão suicida para investigar uma misteriosa praga que tem assolado o país. Lá, o jovem não demora a perceber que a situação é ainda pior do que ele imaginara. Agora, ele precisa travar a batalha mais violenta de sua vida a fim de proteger seu reino: um surto de zumbis.

Sigam nossos convidados nas redes sociais!

Victor Ramos: @sereiosereno no Twitter, @vctrsolar aqui no Medium e no Instagram

Caco Baptista: @cacobapt no Twitter e no Instagram e, no canal “Vamos Falar” no Youtube.

Ouçam o Poc de cultura nas plataformas digitais de streaming! E não esqueçam de seguir o Bisão Voador nas redes sociais: @bisaopodcast no instagram e no twitter.

Entrem em contato conosco para deixar alguma dúvida, um xero ou uma sugestão no e-mail: bisaopodcast@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s