Episódio #39

Este é o primeiro episódio do nosso projeto “LGBTQ+: vidas além do abuso”. E, nessa temporada mais que especial, recebemos Kami Girão (@kamigir no instagram e no twitter) para conversarmos sobre assexualidade. Nosso papo com Kami envolveu desde sua descoberta como assexual até seus cuidados com saúde mental e suas referências dentro e fora da comunidade LGBTQIAP+.

*PROJETO FOMENTADO COM RECURSOS DA LEI 14.017/2020 — LEI ALDIR BLANC — POR MEIO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA DE FORTALEZA

No Bi-Fi de hoje as dicas foram as seguintes:

Kami indicou o dorama “A historiadora”. A história se passa no início do século XIX. Goo Hae Ryung é uma aprendiz para se tornar uma historiadora no palácio. No entanto, não era aceitável que as mulheres escrevessem registros históricos naquele momento. Ela dá um passo de cada vez para criar seu próprio destino em Joseon, onde as idéias de Confúcio estão profundamente enraizadas. Ela quer cumprir seus deveres como historiadora e provar ao mundo que todos são iguais. Junto com a luta de outros historiadores, o drama contará o romance com o príncipe Yi Rim, que tem um segredo próprio. Kami também indicou o filme original Netflix “O que ficou para trás”. Bol e Rial são um casal fugindo da guerra civil em seu país, no Sudão do Sul. Ao atravessar o mar e perder sua filha, o casal chega a Inglaterra. Lá, eles recebem uma casa para morar, mas coisas estranhas começam a acontecer no local.

Camila indicou o conto “A sétima onda” de Juan Julian. Em “A Sétima Onda”, conto de realismo fantástico inspirado pela mitologia Yorubá, Juan Jullian narra a história de um jovem que, às vésperas do ano novo, tem o coração partido pelo namorado. Para superar a dor da traição, João embarca com seu melhor amigo em uma viagem para a mística Vila de Trindade, iniciando uma dolorosa jornada de reconexão com seu Orixá, seus ancestrais e, consequentemente, com seu amor próprio. Ele também indicou a novela “O que encontramos nas chamas” de Mayra Sigwalt. Afastada dos tios desde a infância, Camila precisa voltar à casa vazia deles para procurar um álbum de fotografias a pedido da mãe, que está no leito de morte. Angustiada, ela atravessa a casa e a cada porta aberta é lembrada dos momentos alegres e dos pesadelos que viveu naquele lugar.

Na sequência, Zé indicou o conto de autoria própria “Presente de Natal”. Marquinhos está muito feliz por ter se livrado das confraternizações de fim de ano, quando uma caixa misteriosa chega e ele se vê no meio de uma caça ao tesouro pela cidade do Recife junto com sua melhor amiga, sem cogitar que o tal tesouro pode ser muito melhor do que o que ele imaginou…

Por fim, Becky reforçou a indicação do conto de Zé e fez a indicação de seguir os perfis de Camila, Kami e Zé para acompanhar as publicações de cada ume.

Entrem em contato conosco para deixar alguma dúvida, um xero ou uma sugestão no e-mail: bisaopodcast@gmail.com

Sigam nossa convidada nas redes sociais

Twitter: @kamigir

Instagram: @kamigir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s